quinta-feira, 17 de setembro de 2009

RECOMEÇAR


“Ninguém pode retroceder e ter um começo totalmente novo, mas qualquer pessoa pode começar agora a tentar um final totalmente novo”. (Siembre un geranio en su cráneo – Barbara Johnson)

Palavras sábias. Tiradas directamente da experiência de alguém que, apesar de ter um presente duvidoso, descobre que não pode recomeçar como era, mas decide fazer do seu final um momento de apoteose.
Pois foi incentivada por isto e por alguns amigos, que resolvi recomeçar a escrever o meu blog. Por erro ou avaria técnica, o blog foi retirado e eu perdi com ele muitas coisas. Uma delas foi um grande entusiasmo em escrever os meus pensamentos, as minhas alegrias, descobertas, perdas e dores, porque já me habituara aos amigos fieis que me seguiam em todo o mundo e com os quais me sentia ligada cada vez que clicava nos contadores e via os pontinhos vermelhos piscando em várias nações. Perdi também muito material que, por estupidez, não guardei a tempo. Estou a fazer luto.
Mas vou recomeçar.
Hoje há na blogosfera espaços de muita qualidade, que debatem as mais variadas matérias, alguns dos quais sigo atentamente. Não pretendo de modo algum comparar-me com eles, mas desejo que ao abrir o meu coração, a minha perspectiva de vida leve alguém a reflectir no que é essencial.
Quero que as minhas simples divagações levem os meus amigos a pensar mais alto e mais longe. Eu não me contento com menos do que o céu!
Estou de volta...seja o que Deus quiser!

2 comentários:

  1. Querida amiga lembraste da cadeira restaurada, da jarra colada, da arvore cujo o tronco se partiu e tu com paciencia ataste-lhe uma tala para que fosse mantido de pé? Eu sei que bem te lembras de todas as pedras em que tropeçastes, mas que depois te levantaste, mesmo com os joelhos esfolados. Respeito o teu luto, mas dou-te pouco tempo para sacudires as cinzas e voltares a brilhar. Força!

    ResponderEliminar
  2. Sarah... és sempre especial... toda especial! beijinho e obrigada e pelas marcas que deixas na vida dos que contigo se cruzam. Obrigada pelas marcas que tens deixado na minha vida.Por favor, continua!!! Anita

    ResponderEliminar