terça-feira, 31 de agosto de 2010

ELE RESPONDE...

Isto de estar “clinicamente proibida de funcionar durante um período de tempo”, leva-me a profunda meditação, como já disse anteriormente.

Desta vez, voltei vinte anos atrás, a um outro momento em que pensei que não poderia mais andar, esperar e viver. Os filhos casaram, a filha foi para longe, fui despedida injustamente, entrei na menopausa sem aviso prévio, fiquei sem objectivos, porque de repente, tudo o que preenchia a minha vida me foi tirado. Lembro que num desses dias de profundo desespero e decepção, falei com Deus e disse-Lhe que Ele não podia ter-se esquecido de mim daquela maneira. Não bastava que o telefone em casa estivesse em absoluto silêncio e ninguém se lembrasse que eu existia, Ele ia fazer a mesma coisa?

Pois não é que foi mesmo pelo telefone que Ele respondeu? Os vinte anos a seguir, foram os mais aventurosos, ricos, reveladores da Sua graça e da minha própria limitação e ainda de um número ilimitado de coisas novas. Neste tempo, aprendi a gostar de mim, das pessoas que até ali não chamavam a minha atenção, a ver o mundo com matizes em vez de uma só cor. Encontrei gente única e insuperável, vi a esperança a aparecer ao virar de muitas esquinas, vi o futuro brilhar na cor diferente dos olhos das minhas netas, presenciei Deus mudar, restaurar, curar e fortalecer, através de um conselho, de uma palavra, de um abraço que Ele me proporcionou oferecer.

E agora? O que vai acontecer daqui para a frente? Nem sei como falar com Ele exactamente...Não sei o que Ele esconde no livro do Seu propósito que tem o meu nome, mas aprendi que não preciso fazer muitas perguntas, por que, na Sua imensa sabedoria, Ele pode usar até um telefone para responder...

1 comentário:

  1. Olá Irmã Sara Catarino

    Ouvi-a pregar um dia na Riverside, igreja onde congrego. Estavamos em fase de mudança, tinhamos um sonho de ter um templo só nosso, grande e bonito para louvarmos o Senhor com pompa e circunstância. Estaria Deus connosco nesse objectivo?! Era essa a nossa dúvida! A irmã trouxe uma mensagem sobre Neemias e a reconstrução do templo. Centrou-se no papel dos tantos anónimos que contribuiram para a obra. Ainda teve tempo de brincar dizendo que não deviamos dar aqueles nomes aos nossos filhos:-) e terminou dizendo que os nossos talentos serviam apenas para a glória de Deus. E depois falou comigo!!! Provavelmente não se lembra mas em determinada altura disse: "tomem bem nota do que vos vou dizer", e eu, que estava na segunda fila, imediatamente peguei no bloco e na caneta para tomar nota. A irmã disse: "não, não precisam tomar nota mesmo". Afinal era uma figura de estilo e eu a levar à letra, (DAH!):-). Pois minha irmã, quero que fique com algo, que não é uma figura de estilo, mas sim para levar à letra, principalmente nesta fase da sua vida!!!
    Não to mandei eu? Esforça-te, e tem bom ânimo; não temas, nem te espantes; porque o SENHOR teu Deus é contigo, por onde quer que andares.
    Josué 1:9.

    Que Deus a abençõe tremendamente,
    Nelson Viegas

    ResponderEliminar