segunda-feira, 20 de fevereiro de 2012

PROGRAMA ESCOLHAS


Entrevistar estes formadores no ESCOLHAS, foi sentir um grande orgulho em saber que neste país há pessoas que se formam para alcançar não apenas uma carreira, mas fazer dela algo que beneficie o próximo e ajude os outros a terem uma vida melhor.
É uma iniciativa de grande dignidade e valor, isto é, interferir na vida de centenas de meninos e adolescentes que, de outra maneira, nunca sentiriam apoio nas suas dificuldades escolares, nunca teriam acesso às modernas tecnologias e nem oportunidades de fazer escolhas certas que irão mudar e alterar para sempre a sua vida.
Esses meninos não pediram para nascer. Alguns pais dessas crianças e adolescentes, não estavam preparados para recebê-los. Ser pai não é tarefa fácil e sê-lo em condições de desemprego, de emprego precário, de família disfuncional é ainda mais difícil.
Louvamos esta iniciativa e desejamos a estes formadores que vejam os resultados que esperam: vidas transformadas, meninos e jovens que amanhã poderão ter na mão ferramentas de trabalho que farão delas pessoas dignas e de valor.
À medida que as pessoas se aglomeram cada vez mais nos centros urbanos, que as escolas se enchem, que os professores não chegam, que os pais não têm tempo para os filhos porque têm que batalhar pelo sustento diário, estas necessidades vão tornar-se cada vez mais prementes e por isso uma iniciativa e programa como este são de louvar.
A Bíblia diz que “nem um copo de água dado a um destes pequeninos fica sem recompensa”. Por isso, Deus também é parceiro no programa “Escolhas” ainda que nem todos os que nele estão envolvidos O reconheçam. Ele é sempre parceiro de quem faz o bem, de quem salva o próximo e de quem deita a mão a alguém que não tem mais direcção.

Sem comentários:

Enviar um comentário