terça-feira, 13 de agosto de 2013

AH! VERÃO...

O Verão tem disto. As pessoas esquecem o que ficou lá atrás no Inverno e numa Primavera que não lembra a ninguém e despem-se rapidamente, para ir a banhos e mesmo sem eles, para ficar mais livres, desinibidos e fingindo que estão muito felizes. 
Os mais afortunados viajam para fora do país ( é incrível ver as enormes filas diante dos guichets do aeroporto com destinos de praias e resorts...), os outros entram nas filas da margem sul, ou onde houver água para amenizar tanto calor.
Depois há os mais "calmos", com bolsos mais vazios, que "preferem" passar as férias em casa, já agora pintar aqui, rebocar acolá  e fazer uma limpeza maior... Há tudo, nas férias do Verão.
Para mim, é um tempo especial para pegar num bom livro e devorá-lo de uma vez, já que normalmente ele é saboreado em fatias pequenas; para reflectir sobre as coisas importantes da vida, da relação com a família, dos projectos que se avizinham, já, daqui a pouco. O tempo de estar esticada ao  sol, passou. As férias das lancheiras, chapéus de sol e afins, graças a Deus  também! As férias que eu sonhava ter, essas estão MUITO longe da minha carteira e por isso, por aqui me fico, quietinha, na frescura da minha casa. De vez em quando faço umas digressões ao povoado mais próximo (leia-se cidade), só para ver como param as modas. E vou contar-vos, algumas delas bem ridículas. Já reparou nos homens de calções repuxados no traseiro a mostrar metade das pernas bronzeadas e a outra ainda alvas? E nas senhoras que se despem deixando bem à vista uns "pneus" que negaram ter durante todo o Inverno??
Ah, Verão! Que lindo és. Que liberdade, que banhos, que bronzeadores, que férias...

Sem comentários:

Enviar um comentário