quarta-feira, 18 de setembro de 2013

QUE??

Sabe que ao falarmos de uma certa maneira estamos a libertar uma influência? Essa influência pode ser negativa ou positiva. (ex. “nós vamos conseguir” e alguém diz, “já ouço isso há tento tempo"…) Cuidado com a sua maneira de falar. 
Se essa influência negativa não for tratada, ela cria uma atmosfera. Quando influenciamos alguém para o bem ou para o mal, criamos uma atmosfera, na nossa casa, junto dos nossos amigos, no nosso local de trabalho. Já lhe aconteceu sentir ou dizer, “essa pessoa não, estraga logo a festa!”
Essa atmosfera pode transformar-se num clima.  A culpa deixa de ser nossa e passa a ser dos nossos pais, dos nossos antepassados, dos nossos patrões, dos nossos filhos ou do nosso marido. E o clima já se instalou.
Transforma-se em seguida  num sistema de crença. À força de alimentarmos as nossas convicções negativas, de provocarmos uma atmosfera e um clima à nossa volta, começamos a acreditar naquilo que é absolutamente contrário ao que Deus diz na Sua Palavra.
Ao acreditar, transformamos isso numa fortaleza. Isto dá-se quando a nossa mente fica tão fechada à realidade do que Deus disse e ouvimos apenas as nossas imaginações, nossos raciocínios, nossos sofismas. 

A fortaleza por fim transforma-se numa cultura.  O próprio Senhor Jesus disse: “”Será que nunca chegarão a acreditar em mim, mesmo depois de todos os milagres que fiz no meio deles?" 
Que influência tenho? Que atmosfera crio à minha volta? Que clima instalo ao meu redor? Que sistema de crenças passo aos outros? Como cheguei ao ponto de viver numa fortaleza? Que  cultura é esta? 
Quero muito que a minha vida esteja baseada em fé, naquilo que Deus diz, afirma e promete. As dúvidas não criam raízes, quando a minha fé é liberta!


Sem comentários:

Enviar um comentário