sexta-feira, 2 de maio de 2014

TU...

Tu, és o meu amor. Todos os outros amores que alguma vez tive, ficaram ofuscados pelo teu brilho.
Tu, és o meu porto seguro. Cada vez que resvalo e desvio da rota, as tuas palavras de cuidado e sabedoria me trazem de volta.
Tu, ris comigo e de mim. E como eu gosto do teu riso contido, curto e quase silencioso, mas que eu sei que é maior que uma gargalhada...
Tu, preenches os meus espaços e permites os meus espaços. Sem ti, não teria experimentado esta dimensão única.
Tu,estás lá quando preciso e quando parece que não me fazes falta.
Tu, me empurras para  voar e me seguras para não me estatelar...
Tu, sorris  dos meus desvarios e entendes as minhas lágrimas irracionais.
Tu, querias ter o mundo para me dar e não compreendes que o meu mundo está no teu abraço...
Pensar que te posso perder é cair num poço sem fundo. Imaginar que deixas de estar ao meu lado, é como se me afundase num turbilhão...
E ainda assim, sei que acima de ti, está Deus, que é muito mais, maior do que TU!

Sem comentários:

Enviar um comentário